sábado, 13 de outubro de 2012

Blogueira de moda? Acho que não



          Nunca me senti tão bem em relação ao que faço no COISAS DA NATA como quando terminei de ler o artigo da Chris Mello na VOGUE brasileira deste mês, intitulado "Garotas Poderosas". A Chris tenta decifrar o papel das blogueiras de moda e seu relacionamento com o jornalismo. Após a denúncia para o CONAR - Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária de três blogueiras famosas por fazerem propaganda paga de produtos parecerem simples opiniões sobre gosto pessoal, levando o consumidor ao erro, muita gente parou para pensar sobre esse novo "jornalismo" carente de regulamentação na web (já falei sobre opinião paga aqui!). No texto, a jornalista e publicitária chegou a duas conclusões:  as leitoras dos blogs de moda que falam basicamente de sapato e bolsa "querem ser como suas autoras, comprando a mesma roupa e montando o mesmo look do dia.  Depois de décadas sendo doutrinadas que bom mesmo é ser diferente, buscam semelhanças para construir suas próprias identidades." E ainda que, "...fashion bloggers são fruto do casamento da dona revolução digital com o nosso bom e velho Narciso". E quem não gosta de ser conhecido e reconhecido, não é mesmo? (outro texto sobre esse assunto aqui!).

          Esse artigo valida o que sempre pensei e aplico aqui no site: todas as publicações têm obrigatoriamente algo a acrescentar, seja alguma dica para melhorar a própria imagem pessoal, de truques de decoração, de informações sobre viagens e cultura, e principalmente textos de reflexões que nos tirem do automático e dessa mania louca de copiar e colar sem questionar! Já me pediram para colocar o tal look do dia, e digo que não faço, primeiro porque não tenho roupa nova suficiente para evitar repetições a cada look, e segundo, porque não acredito que a melhor maneira de se vestir bem é sempre estar com roupas da última coleção da marca "x"! Nada contra blogs assim, até gosto de me informar sobre as novidades com eles, mas estimular o hiperconsumismo desta maneira não é comigo! Falo aqui do que realmente gosto e sobre o que pode de alguma forma ajudar os leitores de maneira honesta, mesmo que isso não resulte em um único centavo no meu bolso! 

          Não vamos confundir. Nem todo mundo que fala de moda é fashion blogger, mas muitos profissionais habilitados em moda, jornalismo, artes, decoração, ou qualquer outra profissão optam por criar um meio de comunicação direta com seus leitores e clientes através de blogs, que vão muito além do narcisismo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário