sexta-feira, 3 de maio de 2013

Autoimagem

    Você deve ter visto circulando nas redes sociais um vídeo da Dove sobre imagem pessoal. Neste vídeo, algumas mulheres são selecionadas para se descreverem a um retratista forense. Um profissional que trabalha fazendo retratos falados desenha todas elas com base nas descrições físicas que cada mulher faz de si mesma. Depois, ele pede para que outra mulher as descrevam.


     O vídeo tem como objetivo mostrar como a percepção que temos de nossa própria imagem é distorcida. E muitas vezes é mesmo.

      O tempo todo vemos revistas, propagandas e programas televisivos que insistem em nos dizer que estamos feios, gordos, baixos e sem saúde. Mesmo quem acredita que não tem problema com autoconfiança se pega preocupado com algum "defeito" que precisa ser corrigido. 

     Quando falamos aqui em melhorar a própria imagem, não significa mudar para agradar aos outros. Antes de tudo, qualquer mudança deve fazer bem para nós mesmos. Nossas emoções influenciam nosso dia a dia e a maneira que nos relacionamos com os outros. Por isso, quando escolhemos fazer o que gostamos, vestir o que nos deixa confortável, conversar com quem emana boas energias, melhoramos as emoções, fazendo transparecer nossa real beleza! 


    E em homenagem ao mês das mães, agradeço à minha mãe querida, que apesar de tudo, sempre me diz que eu sou linda!


Nenhum comentário:

Postar um comentário